12 julho 2017
Categoria: Destaque, Notícias
12 julho 2017,
 3

Em 17/05/2017, a FAABB, através de sua presidente,  entregou à PREVI o “Estudo e Proposta de Alteração do Empréstimo Simples”.  A entrega foi pessoal, em reunião específica na sede da PREVI, com a presença do Presidente Gueitiro e do Diretor Marcel, além do autor do trabalho, o colega Ebenézer Nascimento.  O Presidente Gueitiro imediatamente determinou a análise do assunto.

Em resumo, o plano propõe a substituição do sistema cálculo de encargos sobre o E.S. utilizado pela PREVI (que é uma adaptação do sistema PRICE) pelos sistemas SAC ou SACRE, permitindo-se ao associado-mutário a opção entre eles, segundo desejem a amortização constante (com menos juros totais) ou a amortização crescente e parcelas decrescentes ao longo do período da operação (com mais juros totais).

O estudo prevê o cálculo dos encargos apenas uma vez por mês (no dia 20, data do pagamento da prestação).  Caso, por razões de balanço, que não podem significar sobrepeso financeiro para os mutuários, o cálculo seria feito também no dia 30. Mas, nesse caso, os valores apurados no dia 20 só seriam capitalizados no dia 30 (método hamburguês).

Para facilitar a demonstração da exequibilidade da proposta, o estudo inclui planilhas elaboradas com taxa unificada de 1% a.m., (igual aos juros regulamentares de 5%a.a. somados a uma correção linear de 7%a.a. – dividido por 12 meses).

A proposta inclui a possibilidade de renegociação das operações “em ser” recalculadas segundo a modalidade escolhida pelo mutuário (SAC ou SACRE), conforme opte pela redução do valor da prestação ou redução do prazo.

Em 10/07 a PREVI nos enviou  seu pronunciamento final. Na correspondência, a Previ insiste que estamos equivocados em nosssas análises e encerra o assunto.

As planilhas estão aqui acessíveis a todos que quiserem tomar conhecimento de detalhes.

LINKS:

a.PREVI – ES – Estudo_Proposta

Anexo 1 – PREVI – Regulamento do ES – 19_07_2016

Anexo 2 – PREVI – E.S. – Condições de Juros e Correções – 18.05.1999

Anexo 3 – PREVI – Entenda como funciona o ES

Anexo 4 – PREVI – O que é o FQS no ES

Anexo 5 – PREVI – Relat_Anual-2015 – N.E.22.3 – FQM

Anexo 6 – PREVI – Relat_ Anual-2015 – N.E.13.1 – Encargos E.S_

Anexo 7 – PREVI – Extrato de E.S. – caso real

Anexo 8 – ES – Re-digitação de extrato – 20_11_2016

Anexo 9 – Extrato de CDC do Banco do Brasil

Anexo 10 – Extrato de empréstimo do FHE (1)

Anexo 11 – Extrato de empréstimo da Cooperforte (1)

Anexo 12 – Tabela SACRE – Aplicada ao caso real – 96 meses (1)

Anexo 13 – Tabela SACRE – Aplicada ao caso real – 68 meses (1)

Anexo 14 – SAC – Tabela de Amortização a 1

Anexo 15 – SACRE – Tabela de Amortização a 1% (1)

Anexo 16 – SAC – Tabela de Amortização a 1,2% (1)

Anexo 17 – SACRE – Tabela de Amortização a 1,2% (1)

A RESPOSTA DA PREVI

Nossa contra-resposta – 2017_06_24

PRESI_GABIN_2017_10 julho

3 responses on “EMPRÉSTIMO SIMPLES – Alternativa

  1. José Nunes disse:

    Concordo

  2. Pedro Paim disse:

    Parabéns à FAABB pela iniciativa.
    No entanto, é bom observar que os encargos do empréstimo simples devem equivaler ao custo dos juros atuariais acrescidos das menores taxas possíveis para que a Previ seja ressarcida do custo de administração do empréstimo.
    Tais medidas visam unicamente evitar a concessão de subsídios ao tomadores de empréstimo.
    Paim

  3. Nelson dos Santos disse:

    Ao invés de Empréstimo Simples que é puro endividamento, porque não se permite financiamento imobiliário com parcela inicial até 30% do renda bruta? Foi limitado tanto a linha que tá difícil encontrar imóvel pra comprar dentro dos limites permitidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *